ALLOXAN – (Mesoxalyl Urea)

 

A ação diabetogênica desta substância, ação descoberta acidentalmente em 1943, tem sugerido a alguns homeopatas sua utilização, em potências infinitesimais, na diabetes, sendo obtido por Templeton resultados positivos.

SINTOMAS MENTAIS DE ALLOXAN

* 1 – Dificuldade para concentrar-se, mentalmente esgotado, é dificultoso estudar e pensar, inclusive falar ou somar. Se equivoca ou omite letras ao escrever; se expressa mal. Memória ruim. Esquece-se de lugares, nomes (até de amigos), coisas que acaba de fazer, ouvir ou ler, ou de que fez no dia anterior ou o que vai fazer.

* 2 – Indiferente: a seus seres queridos, ao trabalho, à conversação. Indeciso. Deprimido; quer estar só, está melhor. Apreensivo pelo futuro. Ou está muito bem, alegre, feliz, pode cantar; se sente muito bem. Tem atitudes tontas em circunstâncias sérias ou toma tudo muito em sério.

* 3 – Irritável, se fastia com facilidade com a gente (com pessoas). Discutidor. Não tolera ruídos nem vozes altas, porém grita. Às vezes lhe parece que a pessoa está a quilômetros de distância, e ouve suas vozes muito distantes. Inquieto, impaciente, apressado. Dogmático, teimoso.

* 4 – Sente que cheira mal (embora ninguém sinta). Se sente sujo, lava muito as mãos (Syph).

SINTOMAS GERAIS DE ALLOXAN

** 5 – Muito sensível ao frio; está muito friorento; sente como se estivesse em um banho frio na cama.

DESEJOS E AVERSÕES DE ALLOXAN

6 – Aversão à sal.

SINTOMAS PARTICULARES DE ALLOXAN

* 7 – Cefaleia frontal, como se fosse explodir a cabeça; atrás dos olhos ao despertar, e que aumenta durante o dia; com batimentos, pior sobre o olho direito; pior caminhando, por sacudidas, por esforços mentais, por tossir, por rir e em uma habitação quente; melhor por conversar, comer, fechar os olhos ou subir escadas. Cefaleia com fome. Sensação de cabeça separada do corpo; como se fosse muito grande; (como si le tiraran del pelo) como se lhe tirarassem o cabelo; como se algo dentro do crânio golpeara contra o osso; como se tivesse uma bandagem ao redor. Plenitude; pesadez e tonturas ao despertar.

8 – Ardor e dor nas pálpebras, pior por ler ou tocá-as; pesadez, cansaço nos olhos. Sacudidas nas pálpebras. Olhos: pior pela luz, melhor friccionando-os. Visão turva ao despertar.

9 – Prurido dentro do ouvido. Pulsações.

10 – Coriza, espirros, obstrução; com secreção, pior ao ar livre. Sente odor a livros mofados. Sente quente o ar inspirado. Crostas com sangue.

* 11 – Muita sede de bebidas frias. Lábios secos e rachados; se pelan. Grieta seca na comisura labial. Herpes labial. Boca seca com sede. Gosto ácido. Hálito com odor a maças. Sialorreia. Úlceras na boca; no palato. Ponta da língua e gengivas doloridas. Dentes amarelados. Dor na mandíbula, pior por doces. Dor de garganta; como uma espinha; melhor engolindo, bebendo ou expectorando; pior ao tossir, cantar ou falar.

** 12 – Fome exagerada, excessiva, voraz; tem fome pouco depois de comer. Sensação de vazio. Tensão nervosa no estômago. Flatulência. Borborigmos como se fosse ter diarreia. Dor pulsátil no fígado, melhor pela pressão e por comer. Dor na zona esplênica. Diarreia que o tira da cama de 6 a 9 horas. Fezes: macias; aquosas com flatos; adesivas; ardentes; às vezes com sangue. Plenitude ou pressão retal.

* 13 – Marcado incremento das micções em frequência e quantidade. Plenitude vesical. Tarda em começar a urinar à noite. Urina ao espirrar. Ardor ao urinar. Sensação como se se escapara um líquido do rim. Dor como punhalada no rim esquerdo, estendendo à virilha.

14 – Sente a vagina dilatada, pior parada. Seios pesados e dolorosos. Fluxo em jatos.

* 15- Dor retroesternal, pior ao inspirar profundamente. Cãibras ou pontadas em baixo as costelas, pior caminhando. Dispneia depois de comer. Costas cansada, pior sentado ou tocando piano. Dor lurnbosaero, pior ao levantar-se, agachar-se, ajoelhar-se ou parado e na cama, melhor deitado. Sensação como se a coluna se rompesse, melhor pela pressão.

* 16 – Os pés e mãos adormecem e estão frios. Dedos mortos. Dormentes: as pernas, ao cruzá-as; as nádegas; os braços ao levantá-los. Mãos quentes, pés frios. Pernas pesadas, cansadas. Cãibras nas panturrilhas e dedos dos pés, na cama. Mão e pé direitos quentes, mão e pé esquerdo frios. Veias proeminentes. As mãos se ensucian facilmente; secas, rachadas, rachadas. Doem as pontas dos dedos.

* 17 – Sonha: que voa; que não o ajudan; que cai; com ladrões peleando; que mata a um amigo com um puñal; que tem diarreia; que é perseguido; que é acontecimento prisionero; com ratos, sapos, râs; com cadáveres que resucitam; que está orando na igreja. Desperta-se a cada hora.

18 – Pápulas pruriginosas, pior por lavar-se. Urticária.

.
– Traduzido de www.homeopatiageneral.com – ajude-nos caso encontre erro de tradução

.
Voltar
http://www.csterapias.com.br/index.php/remedio-homeopatico
.
Vamos conhecer a Homeopatia? Venha para o nosso e o seu Curso de Homeopatia!
.
http://www.csterapias.com.br/index.php/cursos-de-homeopatia
.

Alloxan
Compartilhe este Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *