MERCURIUS PROTOIODATUS

(Mercurius iodatus flavus, Protoiodato de mercúrio)

SINTOMAS MENTAIS DE MERCURIUS PROTOIODATUS

 

* 1 Quando está na cama, pensa que tem um homem na habitação que intenta perfurar sua garganta com um barreno (punhal?). Temor de afogar-se quando tem bócio.

2 Alegre, vivaz, loquaz, ou triste, deprimido, destrutivo.

SINTOMAS GERAIS DE MERCURIUS PROTOIODATUS

** 3 Agravação: à noite, antes da 1, ao despertar; em repouso; deitado do lado esquerdo; pelo calor da cama, em uma habitação aquecida ou por bebidas quentes; pelo frio úmido; na Primavera; pelo vento frio quando transpira. Melhor: pela pressão forte; deitado sobre a direita; ao ar livre.

* 4 Lateralidade direita, ou da direita a esquerda (garganta e tórax).

* 5 É um remédio de sintomas dolorosos concomitantes: cefaleia com dor precordial, dor no antebraço direito com dor nos quadris, dor precordial com dor no ventre.

6 Excessiva sensação de cansaço, como se fosse a desmaiar-se, com necessidade de deitar-se, pior deitado do lado esquerdo, melhor sobre o direito.

7 Gânglios e glândulas muito inchados e endurecidos (gânglios cervicais e parótidas).

* 8 Dores como por lascas.

DESEJOS E AVERSÕES DE MERCURIUS PROTOIODATUS

9 Desejo de sal e de alimentos salgados e ácidos.

SINTOMAS PARTICULARES DE MERCURIUS PROTOIODATUS

10 Tonturas ao ler ou levantar-se de uma cadeira. Cefaleia frontal e na raiz do nariz, que o embota, ao despertar pela manhã. Sensações de plenitude, pesadez e compressão na cabeça. Dor no vértex em seguida depois de um dor precordial. Cefaleia do lado direito. Sensação de que cruje la calota. Adormecimento da nuca. Prurido no vértex ou em todo o couro cabeludo.

* 11 Dores nos ossos da órbita direita (al levantar-se à manhã) e da esquerda (pior ao agachar-se). Vé nubes negras que flotan, quando está deitado do lado esquerdo. Fotofobia excessiva. Úlcera de córnea.

* 12 Secreção nasal mucosa ou amarelo esverdeada por diante e por atrás, necessita constantemente arrancarlas. Dor e inchação na fossa nasal direita. Dor aguda no septo. Dores agudas nos seios frontais, pior deitado, à noite, pelo calor da habitação e pelo tempo frio e úmido. Crostas dentro do nariz.

* 13 Dor e sensibilidade de todo o rosto, sobre tudo dos ossos. Dor no osso malar direito, que irradia à frente e lado direito da cabeça; tem um ponto que pulsa e queima como fogo, pior ao tocar. Pontadas ou batimentos nas bochechas.

** 14 Sente os dentes muito largos (não pode comer), ou secos, ou como se estivessem muito apertados na gengiva, ou com plenitude. Constante desejo de apretar os dentes, e lo faz com tal intensidade quando dorme, que sente os músculos masseteres (e outros) cansados e doloridos ao despertar. Mandíbulas rígidas.

*** 15 Língua coberta de uma capa espessa e amarelada na parte posterior, com as bordas e a ponta vermelhas; ou língua amarelo suja, ou branca, ou marrom; pior ao despertar pela manhã. Boca e lábios secos. Língua dentada.

*** 16 Anginas agudas ou difteria que começam ou estão pior no lado direito, com adenopatias enormes e com dores que se agravam ao engolir em vazio ou por líquidos quentes; com amígdalas inchadas. As pseudomembranas, na difteria, são brancas ou amareladas. Constantes desejos de engolir, com abundantes mucosidades muito aderentes na garganta. Anginas crípticas (ocultas). Depósitos queijosos brancos na amígdala direita, com pontadas ao engolir. Avermelhamento do rosto posterior da faringe, com pequenas ulcerações. Sensação de corpo estranho na garganta.

17 Sede excessiva. Náuseas, com asco ao ver a comida; com sensação de vazio ou fraqueza. Gastralgias ardentes, cortantes ou como por um golpe.

18 Ventre duro. Calor no umbigo, como se tivesse um carvão flamejante, pior ao inspirar. Dores como pontadas no fígado, que vão da direita à esquerda, provocando tonturas; as dores melhoram pressionando com a mão. Dor no hipocôndrio esquerdo, com tonturas ao despertar pela manhã. Sensação de fraqueza ou desmaio no hipogástrio antes de defecar. Bubões indolores.

19 Pressão no reto. Fezes: líquidas, amareladas, marrons, espumosas; macias, copiosas, escuras ou negras.

** 20 Cancros duros no pênis, com adenopatia inguinal. Pontadas na glande. Poluções noturnas copiosas, precedidas de sonhos eróticos.

* 21 Fluxo amarelado em meninas e jovenzinhas. Fluxo mucopurulento copioso todo o mês. Vômitos da gravidez, amarelo esverdeados e amargos, com ardor e mal-estar gástrico, pior pela manhã. Tumores mamários, endurecidos e ainda ulcerados; com dores pior à noite e pelo calor.

22 Afonia. Bócio com dispneia pior à noite. Tosse por cócegas laríngeas, pior à noite e por rir. Pontadas ou dores pulsáteis retroesternais. Dores no tórax à esquerda, ou da direita à esquerda. Sensação de vento no seio esquerdo.

23 Pontadas no coração, repentinas e duradouras, que lhe cortam a respiração. Sacudidas no coração. Palpitações. Pulso débil e irregular.

24 Nuca dolorida estando deitado, e ao dar voltas com a cabeça. Dores pulsáteis ou adormecimento entre as omoplatas ou no direito.

* 25 Dores ósseas nos membros. Dor no antebraço direito pior escrevendo; simultânea com dor nos quadris esquerda; pior pela pressão, movimento ou piscar. Dores agudas no ombro e braço direitos, com adormecimento, pior escrevendo; deve deixar de fazê-lo. Dor no membro superior esquerdo, com adormecimento. Dor reumática na mão direita, à noite na cama. Dores, rigidez e adormecimento nos dedos. Pesadez nos membros. Cansaço e pesadez nas pernas, com dor no joelho esquerdo. Dor na planta do pé esquerdo, com sensação de desmaio em todo o corpo. Dor aguda no dedo gordo direito (dedão do pé).

26 Insônia antes da 1. Pesadelos; sonha que se afoga, com ataúdes, que urina.

27 Calafrios com tremor em todo o corpo.

28 Prurido intenso em todo o corpo, pior à noite na cama, e que não melhora por coçar. Persistentes placas de prurido que se seguem unas a outras em rápida sucessão em todo o corpo.

.
Voltar
http://www.csterapias.com.br/index.php/remedio-homeopatico
.
Curso de Homeopatia
.

http://www.csterapias.com.br/index.php/cursos
.

Mercurius iodatus flavus
Compartilhe este Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *